Uma Singela Homenagem......


Hoje é aniversário do meu Pai, Sr.Giuseppe Francesco Paolo Pecora, que completa 78 anos. Imigrante italiano vindo de Santa Maria di Castellabate, Provincia di Salerno, Itália, nasceu em 9 de janeiro de 1934, no meio de uma infância e adolescência de Guerras, fome e muito trabalho na terra, plantando e colhendo, segundo filho de uma família de 5 homens, desembarcou aqui no Brasil em 1954 pra buscar melhores condições de vida e ajudar sua família na Itália a comprar a terra aonde trabalhavam como colonos há gerações!!!. Trabalhou de sol a sol, carregando sacas nas costas e em navios pesqueiros em Santos/SP e em 1957 chegou em São Paulo aonde foi trabalhar com seus primos como "bucheiro", termo usado para quem vendia miúdos de boi nas feiras de São Paulo. Em 1961 casou-se com minha Mãe, Dona Maria Malandrino Pecora e comprou seu primeiro Açougue no Bairro de Moema em São Paulo, na Av,Pavão, 700 e tb seu primeiro imóvel em 1964 na Al Jauaperi, 925, casa 7, local aonde eu nasci em 1967. Já em 1967, adquiriu junto com seu primo Luigi Pascale, uma banca de miúdos de boi no Mercado Municipal Paulistano, na rua B nº 28 e fundaram a Pascale & Pecora Ltda, o qual estiveram juntos até 1985, quando se separaram, a Banca Modelo Pascale existe até hoje pra quem quiser conhecer no Mercadão no mesmo endereço.
Em 1985 meu pai adquiriu uma Padaria no Bairro da Casa Verde que se chamava Flor da Baruel e lá em 1987 comecei a trabalhar com meu pai diariamente, com a orientação dele comecei a fazer cursos junto ao Sindicatos dos Panificadores e do SENAI, de Confeitaria Básica e Panificação com o renomado Chef Benjamim Abrahão e cursei o Programa Especial de Cozinheiros Industriais em 1988, curso que foi instinto e se transformou no CCI do Senac. Sempre incentivado pelo meu Pai, comecei a aplicar em sua Padaria tudo que aprendi nos cursos e implementamos um restaurante ali junto com a produção de pães e doces e fomos uma das primeiras padarias na Zona Norte a ter esse serviço e vinham pessoas de longe experimentar nossos pratos maIs renomados como a Salada Mista, o Beirute Animal, Nossos paninis com pão ciabatta que era novidade pra época e nossos tubetes (tipo cannolis) feitos com massa de brioche, assados em forno e recheados com creme Pasticcera receita da minha mãe. Em 1991 meu pai voltou pra Itália e retornou em 1993 e abrimos junto um Açougue e Mercadinho perto da Rodoviária do Tietê aonde ficamos juntos até 1999, quando resolvi ir pra Itália e me aprofundar e refinar em minha profissão e ele tomou seu caminho e teve outros comércios.
Pai te agradeço de coração tudo vc fez por mim e por minha irmãs, nos dando orientação, cultura, educação, instrução, valores morais, moradia e por até hoje estar sempre presente!
Particularmente agradeço por me transformar no profissional que sou, pois me ensinou a cortar bem uma carne, limpar bem peixes e crustáceos e cozinha-los com amor e respeito a natureza e nem sempre com muita paciência, rsrsrs, mas seu pulso firme e exigência me transformou num ser humano forte...e mesmo qdo caí vc sempre estendeu sua mão pra me levantar o qual faz até hoje

FELIZ ANIVERSÁRIO, MEU PAI, QUE DEUS CONTINUE ILUMINANDO SUA VIDA E TODOS A SUA VOLTA

OBRIGADO POR TUDO DE CORAÇÃO!!!!!
Meu Pai , eu e minha irmãs Claudia e Celeste ,
Casa da Tia Filó em Santana - 1970

Aniversário do meu Pai - 60 anos
Casa da Rua Damiana da Cunha - 1994

Fazendo Tiroleza - 1972

Aniversário de 60 anos do meu Pai, aqui toda a minha família e os novos integrantes - 1994

Eu e meu pai na Padaria - 1990.

Postagens mais visitadas